Quais as diferenças entre parlamentarismo e presidencialismo?

Enquanto no Presidencialismo o chefe maior do Poder Executivo é o Presidente, que de fato governa o país, no Parlamentarismo o chefe do Executivo é o Primeiro-Ministro do Estado que governa o país. Mesmo em países com Parlamentarismo pode existir um Presidente da República, mas geralmente como uma autoridade de valor moral e poder moderador como, por exemplo, mediar crises políticas.

A mudança de poder no parlamentarismo também costuma ser bem mais fácil. Enquanto no Presidencialismo a escolha do chefe de Estado costuma ser por eleições diretas da população e o tempo de mandato ser determinado, no Parlamentarismo a escolha do Primeiro-Ministro é feita por indicação do Parlamento que avalia o plano de governo proposto e, aliás, nessa forma de governo quase toda a figura do Poder Legislativo se concentra no Parlamento. Logo no Parlamentarismo o Poder Legislativo exerce uma influência bem maior que no Presidencialismo, onde se resume a criar e inovar na legislação dependendo da aprovação (sanção) do Presidente.

No Presidencialismo a troca de governo só pode ocorrer ao fim de um mandato e uma troca de governo decorrente de crises políticas antes do fim do mandato costuma ser algo bem complicado e estressante. Basta lembrar o que aconteceu no impeachment do presidente Collor em 1992 que a máquina pública praticamente paralisada durante alguns meses enquanto não houvesse desfecho para o caso. Já no Parlamentarismo a transição de governo costume ser bem mais fácil. O Primeiro-Ministro pode a qualquer momento perder a investidura de confiança (não existe mandato) seja por crises políticas ou baixo rendimento e é fortemente dependente da confiança dos parlamentares.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *