O que faz um engenheiro de geodésia

O engenheiro geodésico é um profissional bastante requisitado pelas empresas petrolíferas e mineradoras. A geodésia é a ciência que estuda a Terra e realiza medições de solo das regiões. O engenheiro de geodésia é importante antes de uma grande construção, pois avalia qual o tipo de solo onde será erguida a obra. Portanto, empresas de engenharia precisam de engenheiros geodésicos antes de iniciar a construção de grandes prédios, pontes, estradas ou barragens. Empresas de petróleo precisam saber onde perfurar, ou que tipo de equipamento utilizar antes de perfurar um determinado solo. Enfim, quando envolve o solo do planeta, o engenheiro geodésico pode fornecer detalhes de qual forma ele deve ser tratado.

Um dos instrumentos mais utilizados é o teodolito, para medições de ângulos. Com o surgimento do GPS, a tarefa de um engenheiro de geodésia foi melhorado. Como o GPS fornece dados bastante precisos de pontos na superfície da Terra, é muito importante para as análises do engenheiro geodésico. O profissional mexe bastante com matemática para os cálculos e geração de modelos computacionais que ajudarão no relatório sobre um determinado tipo de solo.

Salário inicial

Cerca de R$ 3.000,00.

O que estudar?

No Brasil não há cursos de graduação de engenharia de geodésia, no entanto o estudo da área está presente no curso de Engenharia Cartográfica. Há também a possibilidade de se especializar na área em cursos de pós-graduação em engenharia geodésica.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *