O que faz um engenheiro de confiabilidade

O conceito de confiabilidade surgiu para ajudar na identificação de defeitos em produção em massa. Contudo, com o avanço da área a Engenharia de Confiabilidade tem servido para ajudar na manutenção de empresas e dos seus equipamentos, assim como para obter análises fiáveis para a construção de equipamentos onde falhas podem causar desastres, como embarcações e usinas.

Engenharia de Confiabilidade é uma especialização para engenheiros, pelo que para atuar como engenheiro de Confiabilidade é, portanto, necessário ter graduação em Engenharia e ter cursado um curso de especialização ou pós-graduação em Engenharia de Confiabilidade.

Posto isto, vale referir qual é efetivamente o trabalho de um Engenheiro de Confiabilidade. Tendo em conta que a Engenharia de Confiabilidade é o ramo da Engenharia que estuda a confiabilidade de sistemas ao longo do seu ciclo de vida, o papel do profissional que atua nessa área é ver o sistema como um todo e analisar o nível de confiança desse mesmo sistema a partir de análises qualitativas (modos de falha e consequências) e quantitativas (através de modelos estatísticos que medem o número de falhas, custos de manutenção e outros itens). Independentemente do tipo de análise feita ao sistema, o Engenheiro de Confiabilidade é quem recolhe, analisa, interpreta e apresenta os resultados, que são determinados por blocos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *