O que faz um engenheiro aeronáutico

Um engenheiro aeronáutico é o profissional responsável pelo desenvolvimento de projeto de aeronaves, como aviões, helicópteros, foguetes espacias e satélites. Quando se constrói uma casa, o engenheiro civil precisa pensar em todos os detalhes elétricos, hidráulicos, de fundação, etc, tudo isso para que a casa não tenha problemas após ser construída. O engenheiro aeronáutico faz o mesmo, mas com as aeronaves. Ele deve englobar diversas características em seu projeto, como todo o interior da aeronave, como a parte elétrica, hidráulica, massa, etc. Depois do projeto, ainda é responsável pela supervisão da construção da aeronave e, depois de concluída, também é responsável pela supervisão da manutenção periódica.

Mas, na fase de projeto, talvez o ponto principal seja a questão aerodinâmica, um dos itens mais importantes na segurança de possíveis usuários da aeronave. Tudo que é colocado na aeronave deve ser levado em conta quando se pensa na aerodinâmica, principalmente quanto ao peso máximo que a aeronave poderá suportar. O engenheiro também cuida de toda a parte eletrônica presente na aeronave.

O mercado no Brasil está aquecido e precisando de profissionais, principalmente devido à falta de cursos que formem engenheiros aeronáuticos. Por aqui, apenas duas instituições públicas oferecem o curso de Engenheiro Aeronáutico, o ITA e a USP.

Salário inicial

R$ 3.060,00, segundo o piso do CREA-SP.

O que estudar?

Há um curso específico para a área, chamado de Engenharia Aeronáutica. O curso envolve muita matemática e física, incluindo também computação e química. O aluno deve gostar principalmente de estudar física aplicada, pois toda a questão de aerodinâmica é fundamental. Também aprende sobre materiais utilizados na construção de aeronaves, cada uma com suas vantagens e características peculiares.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *