Como fazer um bom churrasco

O churrasco é uma tradição dos gaúchos, mas entre todos os brasileiros, este quitute está entre as três grandes paixões nacionais.

As melhores carnes para um bom churrasco são: picanha, alcatra, contrafilé, maminha ou fraldinha.

O contrafilé pode ser cortado em bifes, com cinco centímetros de espessura, mas já a picanha é aconselhável não cortar e sim colocar a peça inteira na churrasqueira.

Nunca se deve retirar a gordura na hora de colocar na churrasqueira, para que a carne não fique seca.

Os especialistas dizem que a carne deve ter um aspecto vermelho, viçoso com uma camada de gordura, que com o calor do fogo, se derreta e deixe a mesma úmida e saborosa.

As linguiças devem ser as mais coradas, não devendo ser colocadas as mais esbranquiçadas, que têm mais gorduras.

O frango deve ser sempre desossado e deve ser o primeiro a ser servido para que ele não seque e conserve a umidade.

Para calcular um churrasco, deve-se ter em mente de 500 a 600 gramas por pessoa adulta e de 100 a 200 gramas, para as crianças.

O fogo deve estar em brasa e não com chama forte, para deixar que a carne asse sem queimar ou ficar seca.

O mais indicado para temperar a carne é o sal grosso e o momento certo para colocar a carne na churrasqueira é quando a carne começa a transpirar, nesse ponto deve-se passar a mão para retirar o excesso do sal e colocá-la na churrasqueira.

No frango, você pode colocar os temperos que preferir e deixar por até oito horas, em seguida coloque na grelha e sirva em primeiro lugar, para não secar.

Sirva o churrasco só com pão fresco, ou se preferir com saladas e até um arroz simples, feito na hora.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *