O que faz um office boy

Office boyA profissão de office boy está vinculada ao ramo de prestação de serviços.

O office boy geralmente trabalha em empresas tanto públicas como privadas, e possui diversas funções, entre elas: a de fazer entrega de documentos em localidades fora da empresa e a de fazer pagamentos e depósitos bancários.

O mercado de trabalho cresce a cada dia e é bastante concorrido. Apesar da profissão de office boy ser importante para solucionar problemas logísticos de uma empresa, ela ainda é bastante desvalorizada.

Os salários são baixos e as condições de trabalho são extremamente estressantes, uma vez que um office boy precisa ao mesmo tempo ser ágil e ter uma enorme paciência para enfrentar, diariamente, longas filas no trânsito e em agências bancárias.

10 Comentários

  1. andreza

    28 de abril de 2011 às 17:21

    eu achei que deveria ter mais detalhes nem quase entendi nada!!

  2. Jerferson Brendo de Oliveira Costa

    30 de abril de 2011 às 17:46

    Nossa eu gostei das perguntas sobre um office boy
    espera que tambem tenha perguntas sobre marketing.

  3. jeymison gomes almeida

    12 de julho de 2011 às 18:09

    office boy deveria de repartição publica deveria ter preferencia hem filas de banco

  4. euclides

    1 de outubro de 2011 às 17:45

    deveria valorizar mais os serviços de office boy porque é estressante no dia a dia .
    sem contar com os riscos do transito.

  5. argelsiqueira

    14 de outubro de 2011 às 22:38

    Trabalho atualmente dois anos como Office Boy, se diz uma profissão! mais é muito desgastante, tenho que enfrentar filas de bancos e ainda por cima pergar engarrafamento, imaginem ficar dentro de um ônibus com aquele calor, parece uma panela de pressão.

  6. alef

    6 de janeiro de 2012 às 16:18

    sou um office boy sei na pele muito bem como é ser um office boy, tem dias bons e maiorias ruim.. os bons é quando vc ter mais nada pra fazer e vai tomar um sorvete com o dinheiro do onibus que vc nao usou e foi apé… a parte ruim é o resto

  7. Vinicius Andrade

    25 de junho de 2012 às 11:50

    Profissão horrível, única coisa que salva é ficar longe do chefe praticamente todo o dia.. tirando isso não tem nada de legal ser office boy, pois não é neiim um pouco valorizado, trabalha muito é ganha pouco. Enquanto alguns colaboradores ficam sentados enfrente um computador só no ar condicionado .. nós temos que ficar 1 hora esperando ônibus que na maioria das vezes vem mega cheio, sem contar as filas dos bancos .. =-(

  8. Henrique Araujo

    28 de janeiro de 2013 às 15:45

    Olá a todos, gostaria de saber o seguinte.
    trabalho em um condomínio.
    exerço mais as atividades de um auxiliar de escritório, sou responsável pela folha de ponto, anoto recados, atendo telefones, faço arquivamento de documentos e atendo os moradores do condomínio com suas reclamações, sugestões entre outros.
    Gostaria de saber se estou dentro das funções de um Office Boy ou estou sendo explorado pela empresa que me contratou?

  9. LC

    12 de novembro de 2013 às 19:10

    Comecei no meu primeiro emprego dia em 2013 como office boy não sabia como era é meio complicado, n gosto quando tem que ir na rua, eu pensava que ia fica só no pc fazendo cartões.. e olha que tenho formação técnica !! Mas não consegui nada na área, é um absurdo o governo dar curso técnico mas não dar oportunidades !!! Agr tenho que ver no que dá, e pior que nem sei andar direito pelo Rio, apesar de ser carioca

  10. Alexandre

    7 de janeiro de 2014 às 9:57

    Bom dia! Sou office-boy a 1 ano. Estou com uma duvida, faço os trabalhos de escritórios como ex: Solicita pagamento, lança despesas da empresa, mandar e-mail para fornecedores, pedir equipamentos e outras coisas de escritório. Faz parte dos meus deveres ou estou sendo explorado ?

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>