O que faz um engenheiro ambiental

Um engenheiro ambiental é um profissional que trabalha nas áreas de bioprocessos e biotecnologia, energia, controle de poluição, recuperação de áreas, licenciamento, planejamento e gestão ambiental. O engenheiro ambiental pode assessorar empresas, órgãos públicos e ONGs.

Entre as responsabilidades de um profissional formado em engenharia ambiental estão:

  • Avaliar efeitos de um processo ou produto sobre o meio ambiente.
  • Criar mecanismos para diminuir os impactos ambientais na produção industrial.
  • Avaliar diferentes fontes de energia.
  • Reduzir o impacto de atividades industriais, urbanas e rurais sobre o meio ambiente.
  • Monitorar a qualidade da água e do ar.
  • Elaborar relatórios de impacto ambiental e planos para o uso de recursos naturais.
  • Estudar meios de reutilização de resíduos.
  • Desenvolver e executar projetos de recuperação de áreas poluídas ou degradadas.

O salário médio de um engenheiro ambiental recém-formado é de R$ 3.000,00. O curso de engenharia ambiental tem duração média de cinco anos.

O mercado de trabalho é promissor para o profissional da área, principalmente por conta da realização de obras de infraestrutura, que precisam de engenheiros ambientais principalmente para o trabalho de controle da poluição.

68 Comentários

  1. Raiana Araujo

    17 de setembro de 2012 às 15:54

    Bem estou no segundo ano de ENG AMBIENTAL, e estou amando meu curso. Dei uma olhada em algums comentarios e e a mais pura vdd o que um colega ai de cima escreveu, e vdd tem muito calculo porem uma boa sugestão e que você que esta começando agora , ou pretende começar pegar uma boa noção de matematica basica, isso mesmo matematica basica pois e o inicio para um bom resultado.
    Bem sobre salario estou trabalhando atualmente em uma empresa chama BARBOSA MELLO e vejo uma grande oportunidade aqui dentro pois nunca tinha visto e entendido de perto como funciona o trabalho de um eng. ambiental (e como ele ganha bem rsrsrrsrsr), agora posso afirma que nao e tao chato como algumas pessoas me falaram ( sem graça so mexer com bixo e mato) pelo contrario e uma area que pode ser restrita, e ampla depende muito de você ou de sua vontade!
    Atualmente tenho um prof° particular que so me ensina calculos, viso ser uma excelente profissional “FEMININA” pois assim como os homens tambem gosto de exatas.
    Boa sorte a tdos, e é uma otima escolha esse curso!! !

  2. Ana Cláudia Santos

    8 de fevereiro de 2013 às 19:56

    Bom estou no 2 ano de engenharia ambiental e sanitaria adoro meu curso.

  3. Everton Freire

    12 de fevereiro de 2013 às 9:36

    Gostaria de dizer que estou Cursando Engenharia Ambiental, mas de imediato queria Area Civil, Entretando, optei por Engenharia Ambiental, onde esta mais ligada com aquilo que quero fazer. Como alguns disseram acima, esta profissão é promissora, pois no Futuro um Profissional nesta área sera bem mais reconhecido; hj ela ainda continua escondida em meio as outras. Mas, tenham certeza de quem escolher atuar nesta área estará um passo a frente em relação o mundo.
    Quando se faz um ensino superior não se pode pensar naquilo que precisa hj, mas sim naquilo que irão precisar após de sua formação.

    - Pesquisem

    Obrigado ao site.
    Grato aos amigos profissionais e todos que tbém estão inseridos no meio.

    1º Engenharia Ambiental

  4. Sulivan Farias

    14 de março de 2013 às 21:54

    Estava pensando em cursar Engenharia Sanitária e Ambiental, porém depois desses esclarecimentos todos, acho q vou fazer Culinária…..kkkkkkkkkk ;))

  5. andreia

    14 de maio de 2013 às 16:19

    Eu quero cursar engenharia ambiental, mesmo não gostando de cálculos, quero provar pra mim mesma que posso, basta ter vontade e foco.

  6. reinaldo

    6 de agosto de 2013 às 22:29

    O eng. Ambiental pode fazer desmembramento, membramento e retificação de área urbana (de lotes) ?
    vlw

  7. Mayra

    18 de novembro de 2013 às 1:31

    Eu não iria comentar, pois estava só buscando informações mesmo. Eu já faço engenharia ambiental (final do II período) em uma faculdade federal e eu estou pensando seriamente em mudar de curso. Não que o curso de engenharia ambiental seja ruim, é ótimo e tem uma grande fantástica e divertida. Hoje, seria minha segunda opção e não a primeira e é ai que o problema começa.

    Vamos começar… SIM! tem muito CÁLCULO. Entretanto, isso não é problema nenhum. Eu sai com uma base péssima de cálculo do ensino médio e, consequentemente, isso me levou a uma reprovação em cálculo 1 no primeiro período. Depois que eu comecei a me dedicar a essa matéria, porém, vi que ela não é o bicho de 7 cabeças que tantas pessoas (inclusive as que estão na faculdade) pintam. Pelo contrário! E isso foi uma grande surpresa para mim porque eu pensei que esta matéria poderia vir a me atrapalhar bastante.

    Cálculo não é difícil, exige muita prática, mas não é nada de marte ou nada que qualquer pessoa não possa aprender. VOCÊ TEM QUE ESTUDAR MUITO, todos os dias. Agora física sim, eu tenho que admitir que, embora seja uma matéria linda, é difícil porque, além de exigir que você estude muito, vai exigir que você tenha um bom raciocínio lógico-matemático, um raciocínio maior do que cálculo. Porque na física, você irá aplicar todo o cálculo que você aprendeu pra resolver problemas relacionados ao nosso mundo.

    O problema da engenharia ambiental para mim e que, incrivelmente, eu vi como vantagem no começo, é a quantidade de matéria que você tem que ter um certo domínio, destacando-se química, biologia, física e matemática. Eu adoro todas essas matérias, mas infelizmente ou felizmente eu acabei me apaixonando por BIOLOGIA. E cara, temos muita coisa ligada a biologia na engenharia ambiental, mas não é nem perto do que um verdadeiro biólogo sabe ou deveria saber sobre biologia. Você não pode se aprofundar na matéria e é isso que mais me dói, porque eu adoro absolutamente tudo na biologia. Às vezes, eu me pego esquecendo das outras matérias pra pegar um livro de biologia na biblioteca e ir ler. Tipo… É muito difícil. Tem que pensar muito bem. E muito bem mesmo.

    Você vai sair da faculdade de engenharia sabendo muito de física, matemática, biologia e química, mas não vai ser nenhum mega-especialista em nenhuma das áreas. E este é o problema do leque enorme que você terá nas mãos.

    Eu vi muito nos comentários… “ah, se você não gosta de cálculo, é melhor tentar biologia” nananina, você tem que gostar de biologia, ser apaixonado pela vida e seus mistérios, e não simplesmente ser ligado a parte ambiental.

    Era isso, obrigada =D

  8. alexsanro

    9 de março de 2014 às 19:58

    quero fazer esse curso em 2015

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>